Categoria: Contos

“Narrativas breves, que preferem a concisão à prolixidade, e que contêm um só conflito e uma única unidade dramática, enfatizando mais a ação do que os personagens.” (Michaelis)

30/03/2011 / Contos

Elevou-se à décima potência. E sentiu-se invencível. Estava certo de que não mais pereceria. Então, por uma rosa, tombou.

29/03/2011 / Contos

Entendeu-se. E, por dado momento, especificou-se. E viu que era genérico; que havia crescido.

17/03/2011 / Contos

Em sã consciência, desexplicou-se. E viu que o mundo ao seu redor era mais belo. Então, viveu.

17/03/2011 / Contos

“Especificamente, não tenho nada a dizer” – pensou. “Estatisticamente, tenho muito” – refletiu. Concluiu: “Antes só do que mal acompanhado.”

12/03/2011 / Contos

“Somos todos vítimas de nós mesmos” – pensou. “E algozes” – refletiu. Concluiu: “Quem canta, os males espanta.”

03/03/2011 / Contos

Há tempos não via naquele campo um broto de plantação. A fome já lhe atormentava os filhos e além. Presto, ergueu-se e caminhou.

03/04/2005 / Contos

Belo Horizonte, 3 de abril de 2005 (domingo) – 14:46 Exausto, procurou a sarjeta que, ainda úmida, lhe pareceu o lugar mais aconchegante do mundo. Colocou o travesseiro no chão, junto com a esteira, enrolada. Sentou-se, cuspiu nas mãos e, com a própria saliva, lustrou…

09/11/2004 / Contos

– Queres tentar? – perguntou ela. Como ele baixasse a cabeça, retraído, ela tornou: – E então? Ele continuou calado. Então, ela franziu a testa, como quem demonstra um sinal de impaciência e, mais uma vez, tentou: – Por que não respondes? Ele, ainda cabisbaixo,…