Autor: Marcos Arthur

Inquieto. Curioso. Companheiro da Marina e pai do Otto. Ultramaratonista. Facilitador de aprendizagem. Sócio-fundador na 42formas. Escritor amador. Eterno aprendiz.

29/07/2021 / Trabalho amanhã
08/03/2021 / Trabalho amanhã

Escrevi, no blog da 42formas, dois artigos sobre o tema com intervalo de mais ou menos um ano entre eles. Como não são interdependentes, dá pra ler os dois fora da ordem – ou somente um deles, conforme despertar o interesse. Na parte 2, publicada…

08/01/2021 / Penso, logo escrevo

Eu não pretendo fazer resoluções de ano novo. Pelo menos não oficialmente e não por escrito. Para dizer a verdade, nem mesmo me lembro se já fiz isso alguma vez na vida. Creio que sim, o que não importa muito agora. Quero para 2021 o…

24/05/2015 / Escritos do passado

A vida quase sempre é um amontoado de clichês. Mas o maior deles é que não há nada mais importante do que as pessoas que amamos. (Para Ana Maria Faria e Jair Corgozinho.)

23/11/2014 / Escritos do passado

O radical de hoje é o ditador de amanhã.

07/11/2014 / Escritos do passado

A realidade é tão ilusória quanto a ilusão em si.

06/11/2014 / Escritos do passado

I just can’t understand why people are so afraid about hugs.

23/03/2014 / Escritos do passado

Toda cobrança deveria vir na mesma medida da entrega.

06/03/2014 / Escritos do passado

A cada dia que passa, aumento a minha impressão de que o preconceito é uma coisa muito besta, sô!

22/01/2014 / Escritos do passado

As únicas coisas ilimitadas que algumas empresas podem realmente oferecer são incompetência e descaso.